Educandário de Magia Monte Pascoal

Harry Potter RPG Fórum. A magia de HP em terras brasileiras.
 
InícioPortalFAQBuscarGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [TRAMA.FANTASMAS]Sala.Diretor.

Ir em baixo 
AutorMensagem
Bruno Maia
Professor de Artes das Trevas
Diretor da Pau-Brasil

Professor de Artes das Trevas  Diretor da Pau-Brasil
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 2
Mensagens : 927

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 8

MensagemAssunto: Re: [TRAMA.FANTASMAS]Sala.Diretor.   Sab Jul 11, 2009 8:58 pm

>>>>>>>>>>> Julho, 2015:>: Manhã<<<<<<<<<<<<<<[

Previamente em Escritório do professor Bruno Maia.

Narração
Falas
Pensamentos
Falas alheias

Bruno ainda apresentava-se com a pele ligeiramente esbranquiçada quando conseguiu reunir forças para bater à porta do diretor. Dessa vez não derrubaria metade do escritório dele, como da última. Estava temeroso, não irritado e ultrajado, furioso.
Quando ouviu a voz do diretor através da madeira grossa que era a porta, Bruno entrou na sala cujo único habitante, era o diretor, sentado à sua escrivaninha, lendo o scriptor sonorus diário...


"Então.... Então quer dizer que o senhor já sabe?"

O professor estava de pé, enquanto o diretor permanecera sentado. QUando Bruno falou, Victor olhou para ele, e Bruno já soube que ele sabia do que Bruno estava falando, e, quando o diretor concordou com a cabeça, num gesto muito curto e cheio de psar, Bruno continuou...

"Então... Isso significa que os fantasmas voltaram certo? O 'f', a marca negra e tudo o mais..."

Mais uma vez, o diretor concordou, e Bruno ficava cada vez mais apavorado: Porque os fantasmas da sua infância não o largavam de vez? Porque a todo instante eles ficavam atacando-no, vez após vez, incessantemente?

"Então, diretor... O senhor acha que... Acha que DOminic está mesmo envolvido nisso?"

Na voz do professor havia quase uma súplica do contrário. A últiam coisa que desejaria era o retorno dos fantasmas e, mais ainda, se a sede do movimento fosse, justamente, o EMMP.
A resposta do direwtor foi interrompida pelo ressoar de passos na escadaria central. Alguém estava subindo as escadas para falar com o diretor.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Victor Wagner
Diretor Geral
Diretor Geral
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 226
Mensagens : 857

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 7

MensagemAssunto: Re: [TRAMA.FANTASMAS]Sala.Diretor.   Dom Jul 12, 2009 3:24 pm

-=Julho, 2015. Manhã=-

Foi uma noite muita estranha... Victor acordou de um pesadelo onde um vulto irreconhecível conjurava a marca negra. Sentado na cama, ficou cerca de dois minutos tentando controlar a respiração exacerbada e sentia o ritmo cardíaco desacelerando vagarosamente.

Sem um propósito em mente, decidiu que passaria na sala da diretoria antes de descer para o café com os alunos. Em sua mesa, como habitualmente, a última edição do Scriptor Sonorus e a marca negra estampava a primeira página encabeçada pelo anúncio da morte de Paulo Maia, ex-líder dos fantasmas e irmão gêmeo do professor Bruno... A seguir, o rosto de Paulo Maia marcado com um F, estampava mais um pedaço da manchete.

Victor sentiu-se mal... Seu corpo desabou na cadeira e soltou uma palavra de lamentação...

- Então.... Então quer dizer que o senhor já sabe?

Bruno havia chegado e estava tão desorientado quanto ele a respeito daquela situação toda. Victor consentiu com a cabeça desanimado e inevitavelmente sabia o que Bruno lhe perguntaria: - "Então, diretor... O senhor acha que... Acha que DOminic está mesmo envolvido nisso?"

Victor bufou desaminado...

- Bruno, eu não acredito que Dom faria isto... Ele é um dos melhores professores desta escola e muito zeloso com seus alunos e com sua casa... Afinal de contas, como ele entraria no Carandirú?... Ele não tem a capa... O segredo das capas dos Fantasmas morreu junto com Eduardo Figueira naquele tentativa de fuga... Duvido muito que Dom tenha algo a ver com tudo isto...

Porém antes de falar tudo o que queria, passos indicavam que alguém se aproximava. Victor achou melhor se calar temporariamente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dominic Anatolly
Fantasma
Fantasma
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 159
Mensagens : 194

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 6

MensagemAssunto: Re: [TRAMA.FANTASMAS]Sala.Diretor.   Seg Jul 13, 2009 3:25 pm

Dominic estava satisfeito com o seu trabalho da noite anterior. Seu plano tinha dado muito certo agora só restava recolher os louros.
Ele se levantou e logo viu Anúbis parado na escrivaninha de seu quarto e o jornal ao lado. Dom mal se aguentava de ansiedade para ver a reportagem e logo pegou o jornal e assim que pegou viu a foto da marca negra se mexendo. Um sorriso malígno brotou no rosto de Dom, enquanto acariciava Anúbis. Foi lendo a matéria e viu a foto de Paulo e o "F" tatuado em sua face. Dom mal conseguia se conter de tanta alegria, estava muito satisfeito com o seu trabalho e agora tinha certeza que o pânico iria ser instaurado em todo o mundo Bruxo brasileiro, ou até mundial.
Dom tinha um controle sobre um bom número de avasatis, agora só faltava recrutar algumas pessoas para os Fantasmas, para isso teria que ser somente possoas de sangue-puro, não iria colocar mestiços em seu novo grupo. Agora sim estava pronto para criar um grupo de puro-sangues para limpar o mundo de mestiços e sangues-ruins.

Dom se lavou e se trocou, logo seguiu para a sala do diretor apressadamente, preparando sua cara de surpresa e espanto. Com todo seu sinísmo iria mostrar o quanto não sabia dos acontecimentos, fazendo-se de vítima se fosse acusado, o que com certeza seria por Bruno.
Ele começou a subir as escadas, pôde ouvir algumas vozes, sabia que o diretor não estava sozinho e que provavelmente o fofoqueiro e puxa-saco do Bruno já estaria lá. As vozes sessaram antes mesmo de Dom entender sobre o que falavam, mas tinha uma vaga idéia do que estavam falando, dele. Ele entrou sem bater, mostrando ar de preocupação e espanto.

-Diretor! O senhor... - deu uma pausa e olhou para o Bruno - Bruno! Que bom que está aqui! Então já sabem dos acontecimentos? O que significa isso? Nâo acredito que estão de volta! E se foram atrás do Paulo, com certeza virão atrás de mim! Lembram, sou um traidor para eles! O que faremos?

Todos que ouvissem Dom sentiriam pena dele, estava se passando por vítima e negaria qualquer acusação até a morte. Morte? Dom sabia que essa palavra estava riscada de seu vocabulário a partir de agora.

-Diretor, se recrutaram novos integrantes para os Fantasmas? O próximo da lista sou eu, o delator! O traidor do sangue! Sabem como eles pensam!

Era tocante a preocupação de Dom, merecedor de um Oscar. Ninguém poderia negar que Dom era um ótimo ator.

_________________
Narração |*Pensamentos* | -Falas | -Ofidioglossia
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bruno Maia
Professor de Artes das Trevas
Diretor da Pau-Brasil

Professor de Artes das Trevas  Diretor da Pau-Brasil
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 2
Mensagens : 927

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 8

MensagemAssunto: Re: [TRAMA.FANTASMAS]Sala.Diretor.   Seg Jul 20, 2009 3:34 pm

Narração
Falas
Pensamentos
Falas alheias

Bruno ainda se sentia um tanto nauseado e com um fortíssimo e avassalador medo domando seu espírito.
Bruno desabafara com o diretor o receio que, ele sabia, ambos tinham. No entanto, o diretor estava instilando na mente de Bruno provas de que, apesar de possuir um caráter sabidamente duvidoso, o professor de aArtes das Trevas nada teria a ver com os acontecimentos. Afinal de contas, como poderia o professor ter escapado das câmeras mágicas do carandirú. O único modo seria com a capa, mas essa ele não mais tinha. Sua localização se perdera junto com a vida de Figueira.
E, apesar de tudo o que Bruno sentia pelo colega de trabalho, ele não poderia deixar de tirar o chapéu para ele: sempre fora zeloso com todos os alunos, até mesmo com os da Pau-Brasil e da Cedro. Nunca fizera nada contra eles. E, mesmo apresentando uma relação mais íntima com Tiago, após a entrevista ao garoto no salão principal, Bruno era forçado a admitir que Tiago não apresentava indícios de tendências das trevas. Seria, então, Dominic tentando mostrar para Tiago que o caminho que outrora ele escolhera era ruim. Então, enquanto Bruno pensava que DOminic era um desgraçado duas-caras traíra pomposo e esnobe, ele, na verdade, era alguém redimido que instilava, com o auxílio de sua experiência própria, a semente do bem na mente de alunos que queriam se debandar para o lado as trevas?
A mente de Bruno parecia uma máquina trabalhando, pensando, pensando... Dominic parecia realmente preocupado com o fato de o virem perseguir. Então, ele realmente havia traído os fantasmas e esses estariam em busca dele?
Um fato quase insignificante transtornou Bruno. Dominic, que sempre passara sem olhar por Bruno, por vezes até esbarrando neste ou torcendo o nariz, o chamara. DIssera seu nome e olhara para ele. No instante em que seus olhos se encontraram, algo parecido com uma corrente elétrica varou a corpo de Bruno: Dominic era alguém desesperado e Bruno, egoísta, rancoroso e sem humildade para perdoar. DOminic, com uma única palavra, fizera Bruno desandar, fizera-o sentir menor que uma lesma, menos que uma poeira na unha do carrapato de um rato morto. Ele, então, teria pressuposto o torcer de narizes, a ignorância, porque ele mesmo não procurara falar com o colega?
Com a voz um tanto embargada, o olhar um tanto desfocado e transtornado, Bruno respondeu:


"Dominic.... Não se preocupe, aqui você estará a salvo. Dentro do educandário eles não podem te tocar. Temos o diretor, eu, Daniel e você...juntos... Para combatê-los se tentarem essa...essa tolice.... DOminic, peço que me desculpe, fiz um julgaamento errado de sua índole. Vejo que... Vejo que o preconceituoso era eu, no final das contas."

Somente Bruno sabia o quanto essas palavras lhe doeram. SOmente ele fazia ideia de quanto abrira seu coração naquele instante, de quanto se expora e de uanto estava arrependido pelo julgamento. De hoje em diante, mudaria com DOminic, estava decidido.
AO se sentar novamente na cadeira, percebeu o olhar do diretor para ele. Parecia que até mesmo ele estava estupefato com a atitude do professor de encantamentos.


Citação :
OFF.: Gente, Ferdinand me mandou uma MP, dizendo que vai postar depois, como um post atemporal, acho que ele vai ficar do lado de fora da sala, escutando, esperando um piuco, não sei. Enfim, continuem a história. Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: [TRAMA.FANTASMAS]Sala.Diretor.   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[TRAMA.FANTASMAS]Sala.Diretor.
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» BUG DO GENGAR E OUTROS POKEMONS FANTASMAS
» Sala de Armas [NOVA]
» Sala de Gravidade Aumentada
» Sala de jogos
» Sala de Jantar

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Educandário de Magia Monte Pascoal :: 2015-
Ir para: