Educandário de Magia Monte Pascoal

Harry Potter RPG Fórum. A magia de HP em terras brasileiras.
 
InícioPortalFAQBuscarGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Escritório do professor Bruno Maia

Ir em baixo 
AutorMensagem
Bruno Maia
Professor de Artes das Trevas
Diretor da Pau-Brasil

Professor de Artes das Trevas  Diretor da Pau-Brasil
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 2
Mensagens : 927

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 8

MensagemAssunto: Escritório do professor Bruno Maia   Sex Maio 22, 2009 5:33 pm



O professor Bruno Maia escolheu uma das salas vazias, ao quinto andar, para sediar seu escritório.
Localizada ao lado da pintura de Úrico, o excêntrico, a sala é ampla e confortável. Logo à entrada, encontramos uma sala de recepção espaçosa e aconchegante (foto da direita).
Há, ainda, uma pequena biblioteca particular(foto da esquerda), onde Bruno guarda todos os seus livros sobre Magifolclorozoologia, além de outros muitos sobre encantamentos, poções, Artes da natureza, etc.
Não é raro encontrar Bruno neste local, sentado na poltrona da sala de recepção lendo um livro apanhado em sua biblioteca particular.
Bom, na verdade, nada em seu escritório é bem particular, porque todos os alunos o conhecem e têm entrada livre sempre que Bruno está lá. Este recebe todos os alunos com bolinhos e chá e um agradável bate-papo.
Além disso, todos os professores também estão bem-vindos a entrar lá, bem como qualquer funcionário.
Nas férias, como não retorna a sua casa, exceto em casualidades, Bruno fica boa parte de seu tempo em seu escritório.

Entrem e se "aproxeguem", sentem pelos sofás. Só peço, por favor, que tentem quebrar o mínimo de estatuetas e vasos de porcelana.


Última edição por Bruno Maia em Dom Abr 11, 2010 8:34 pm, editado 7 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Victor Wagner
Diretor Geral
Diretor Geral
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 226
Mensagens : 857

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 7

MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   Sex Set 17, 2010 8:22 pm

Setembro/2025.
Início da Madrugada


Estava em seu quarto embalado por um sono obscuro... O olhar de Bruno quando deixou a sala da diretoria havia lhe colocado um questionamento que talvez estivesse tentando não responder, mas sua resposta era óbvia: não havia em quem confiar...

Quando as imagens perfiladas dos aurores atravessavam a escuridão, trazendo um sentimento de insegurança a sua confiança e a seus sonhos uma voz antiga e vagarosa o chamou... Logo em seguida surgiu um feixe de luz sendo devorado por um redemoinho de poeira cinza escuro... árvores, uma mata densa e... uma terrível fera...

Retornou a vigília de súbito, coberto por suor.

"Caiári... Os fantasmas... Seremos atacados..."

Vestindo seu pijama escuro, correu descalço pelos corredores até o quinto andar onde entrou com certo atropelo no dormitório do Professor Bruno.

- Bruno, Bruno... Acorde, Bruno!!!... Caiári... ela me mandou uma mensagem ...

O professor sonolento ainda trazia seus sentidos adormecidos ao mundo da razão enquanto diretor Victor quase atropelava as palavras.

- Uma mensagem, Bruno!!!... Os fantasmas... retornarão para um ataque... talvez esta noite!!!... Caiári me enviou uma mensagem... Não sei onde ela está, mas acho que foi para a mata atrás de ajuda... Precisamos reunir os aurores!!!.... BRUNO ABRA ESSES OLHOS, HOMEM!!!!

_________________
even me
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fantasmas
Fantasma
Fantasma
avatar

Mensagens : 26

Atributos
Dado Padrão: d50
Habilidades Mágicas: d10
Habilidade Desportiva: d10

MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   Dom Set 19, 2010 2:34 pm

Cap. Anterior: Casa dos Espíritos

2025, Septem.

@Casa dos Espíritos.

A madrugava já estava alta e sua sede de vingança pelo seu último ataque frustrado ainda o assombrava... Vez por outra caia em um sono superficial que parecia alimentar ainda mais sua fúria, o fazendo acordar com uma explosão de sentimentos, dando socos na mesa próxima do local que estava sentado.

- Malditos!!! Malditos!!!

O relógio de parede finalmente anunciou as três horas da manhã... A sala, vazia até então, se transformou em palco do show de apariação dos membros do grupo. Colunas negras de fumaça desciam do teto e se materializavam em Fantasmas e cada um que surgia soltava palavras de escárnio contra a vítima daquela noite: Bruno Maia.

Quando a última coluna de fumaça se desfez no ar revelando um bruxo alto com sua respectiva máscara aterradora, o líder se dirigiu a um ármario e ao descrever formas geométicas com sua varinha na porta dele, uma luz prateada invadiu a sala e quando sumiu, o Astrolábio dourado estava nas mãos de Dominic.

- Nossa passagem para dentro do Educandário, senhores!!! ... Eu quero o Punhal Sangrento!! ... Bruno Maia está com ele... Matem o infeliz se for preciso!!!

Dominic mexeu nos ponteiros do instrumento, então cada fantasmas estendeu sua mão tocando em seu líder e em um segundo o som do vácuo sugando os bruxos estremeceu a sala, que ficou vazia e silenciosa.

@Quarto de Bruno Maia
Quando o vácuo acabara de vomitar os bruxos diretamente no quarto particular do professor Bruno, o silêncio e a paz reinava no aposento. A cama do professor estava diante deles... seu corpo repousando sobre as cobertas emanava quietude.

O líder negro sorriu por trás de sua misteriosa máscara e não hesitou em despertar sua vítima: - CRUCIOOO!!

Um raio vermelho e poderoso procurou o corpo desprotegido do professor e lançou penas e espumas por todos os lados...

- O quê?!?... Onde está ele?

Avançou sobre a cama, afastando lençóis e travesseiros destruídos procurando pelo corpo do professor... Mas encontrou nada!!!

- Onde está ele?!?... Fomos enganados idiotas!!! Procurem-no!!! Matem-no!!!...

A raiva que dominou sua mente já o fazia esquecer de seu principal objetivo ali.

_________________
"There is someone walking behind you,
Turn around, look at me.
There is someone watching your footsteps,
Turn around, look at me(...)"

Turn around look at me - The vogues
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bruno Maia
Professor de Artes das Trevas
Diretor da Pau-Brasil

Professor de Artes das Trevas  Diretor da Pau-Brasil
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 2
Mensagens : 927

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 8

MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   Dom Set 19, 2010 6:26 pm

%Setembro, 2025
%Madrugada
%Escritório particular


Os últimos acontecimentos vinham à sua cabeça sob a firma de pequenos flashes de realidade, raros e esparsos. A primeira coisa de que se lembrava era de ser acordado, aos empurrões e safanões por seu amigo, Victor. Sua vista estava turva como a de um recém-nascido, e sua audição percebia a voz de Victor como um eco distante, como alguém gritando através de um longo cano de PVC. Aos poucos, os constantes gritos foram tornando-se compreensíveis, embora não passassem de palavras soltas e sem nexo, para Bruno. Então, como um vagaroso e complexo processo,as palavras soltas foram conectando-se, e um sentindo começou a aparecer por trás delas.
Sua saliva engasgara dentro de sua garganta, seus olhos, como um reflexo involuntário, abriram-se, seguindo a tendência de suas pupilas, dilatadas. Súbito, seus músculos trabalharam em comunhão para levantá-lo rapidamente da cama, enquanto um jato de água, vindo de uma jarra de flores, banhava a cama, onde ele estivera momentos antes. Era seu amigo, num gesto desesperado por acordá-lo e trazê-lo de volta ao mundo da razão.

“Vamos, homem, não há tempo... Acho que tem uma velha passagem secreta na minha biblioteca, que a gente pode usar...”

Foram suas palavras, que saíram num tom áspero e rouco, devido às cordas vocais, desacostumadas ao falar. Então, Victor veio correndo em sua direção, mas não sem antes virar para trás e transfigurar seu travesseiro em uma cópia de Bruno, que talvez distraísse os fantasmas. Somente então, a realidade o tomou de assalto. Com os olhos esbugalhados e um feição preocupada, Bruno perguntou a Victor:

[b]“Mas eles vêm para ‘cá’?! Para o meu escritório? Mas por...”


Suas palavras pararam no meio do caminho. O olhar de Bruno ficou distante, alguns centímetros acima do ombro de sue amigo, vislumbrando nada além de seu raciocínio rápido. Então, subitamente, suas feições ficaram preocupadas. Por dois motivos. O primeiro, ele percebera o plano dos fantasmas, e o que eles queriam. Queriam novamente a relíquia que Dominic havia entregado a Bruno. O segundo motivo, era que, tanto Bruno, quanto Victor, haviam percebido os sinais de uma aparatação próxima. Os fantasmas estavam chegando.

“Não há mais tempo de sair pela porta, Vic. Temos que tentar achar a passagem pela biblioteca. O problema é que... você sabe...”


Os dois correram em direção à porta que ficava mais além, ladeada por duas estátuas gregas antigas. Eles estavam justamente indo para onde os fantasmas queriam. O lugar onde o punhal estava guardado.
AO atravessarem a porta, um tanto esbaforidos, se viram em um pequeno espaço circular, repleto de livros por todos os cantos, em prateleiras de mais ou menos quinze andares, cheias de livros dos mais variados temas. Havia uma escadinha, que levava a diversos patamares, onde eles poderiam acessar os livros.

“OK, Victor, não temos tempo... A passagem está em algum livro muito antigo, provavelmente de história da magia... Puxe todos que encontrar!”


E então os dois se separaram, e começaram a procurar freneticamente por livros de história.Títulos e mais títulos perpassavam seus olhos, rápidos. Toda vez que algo que se parecia com história surgia, Bruno simplesmente agarrava com os dedos e puxava para sua direção. Sua respiração era rápida e forçada, por conta da adrenalina. Mas, bem ou mal, sabia que eles estavam encurralados. Sentia a aproximação dos fantasmas, que provavelmente já estavam no quarto e já teriam descoberto a fraude de seu “eu” de pano. Dito e feito.
Os olhares de Bruno e Victor se encontraram quando uma grande explosão jogou a porta da biblioteca de Bruno pelos ares. Os fantasmas tinham entrado ali, e não havia nada que eles pudessem ter feito.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Victor Wagner
Diretor Geral
Diretor Geral
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 226
Mensagens : 857

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 7

MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   Qui Set 23, 2010 9:07 pm

Setembro/2025.
O novo ataque dos Fantasmas - Continuação.


Enquanto via a pacata sonolência de Bruno Maia emergir de um lago de sono profundo, Victor sentia que algo estava acontecendo com o ar a seu redor e foi graças a seus anos de magistério em Transporte Bruxo que sabia que algo estava pronto para aparatar naquele quarto.

Talvez tendo a mesma sensação que Victor, Bruno recobrou o controle total de suas faculdades mentais rapidamente e quando Victor calculava a forma mais rápida e segura de sair dali, ele advertiu:

- Vamos, homem, não há tempo... Acho que tem uma velha passagem secreta na minha biblioteca, que a gente pode usar...

Antes de correrem para a biblioteca, Victor transfigurou alguns travesseiros para ganhar tempo contra os fantasmas.

Entraram no espaço circular repleto de livros e Victor percebeu que estavam encurrulados.

- A passagem, Bruno?...

-... A passagem está em algum livro muito antigo, provavelmente de história da magia... Puxe todos que encontrar!

Victor sentiu um frio na espinha ao olhar a infinidade de livros antigos que repousavam nas estantes. Nunca encontrariam a tempo a passagem e o confronto era inevitável.

BBBAAASSSHHHHH!!!!!

A porta da biblioteca explodiu sobre eles, os tornando alvo fácil para os fantasmas. Victor não teve tempo de estudar sua reação, apenas puxou sua varinha e:

- ESTUPORE!!!

A rajada luminosa atingiu em cheio um de seus adversários que voou pelos ares levando mais uma dupla consigo. Antes de alguém tentar pronunciar um Avada Kedavra, seu amigo Bruno anulou o agressor com um perfeito Trava-Língua.

Dominic riu alto e sombriamente se deliciou com a cena da tentativa de defesa dos acuados professores.

Os olhos de Bruno e Victor estavam repletos de afliação, mas seus corações cheio de vontade de lutar por suas vidas.


_________________
even me
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Brittany Brian
Fantasma
Fantasma
avatar

Mensagens : 84

Atributos
Dado Padrão: d50
Habilidades Mágicas: d10
Habilidade Desportiva: d10

MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   Dom Set 26, 2010 8:14 pm


'Um ataque. Sim, um ataque'. Pensava Brittany ansiosa para a segunda oportunidade de se encontrar com Charle, afinal, ele era um Auror e estaria a postos para impedir qualquer ataque nocivo aos brasileiros por parte dos fantasmas. Então ela duelaria com ele e teria sua doce e muito esperada vingança. Anos na prisão por causa dele deveriam ser pagos, ele deveria sofrer tudo que ela tinha sofrido e não falar nada a não ser pedidos de perdão que não seriam ouvidos e gritos de dor enquanto ele enlouqueceria loucamente. Música para os ouvidos da metamorfomaga.

Foi por isso que ela foi a primeira a tocar no Astrolábio, aquele mísero instrumento que Dominic tanto admirava. Diferentemente da maioria dos Fantasmas, não era grandeza que ela via naquele momento, pois ela não desejava poder que nem a maioria daqueles, nem supremacia para aqueles de sangue-puro; ela só desejava vingança e aquela era a melhor maneira de conseguí-la.

Foi completamente estranho se encontrar dentro do quarto de um de seus antigos professores. Bruno Maia havia a ensinado enquanto ela ainda estudava no EMMP, dez anos atrás. Naquela época ele era um de seus professores favoritos, pois ele tinha jeito para a coisa e ensinava as matérias de um modo interessante. Porém essa admiração evaporou no momento em que ele testemunhou contra ela, dizendo coisas ruins e basicamente criando um ódio imensurável pelo professor, que agora se encontrava deitado em sua frente. Porque estava perdida por ter viajado pelo vácuo depois de muito tempo sem aparatur ou usar chaves de portais, ela perdeu a oportunidade de lançar o primeiro feitiço, que ficou com Anatolly. Eles logo perceberam que não era o Bruno lá e sim uma ilusão, oq ue deixou-a extremamente agitada. Nem precisou das ordens para sair correndo em direção à porta lateral, que estava trancada.

- Droga! Fiquem para trás! - bradou ela, apontandoa varinha para a porta. - Bombarda! - a porta explodiu violentamente, espalhando poeira e restos para todo o lado. Fechando os olhos, ela correu para a sala, desviando por pouco de um feitiço vindo de um dos professores. Quando a poeira abaixou, ela se encontrava do lado de Bruno, varinha apontada para ele, enquanto outros Fantasmas cercavam todos e Anatolly agia como o rei do mundo. - Ora ora, professor. Não esperava mais revê-lo. - Ela sussurrou enquanto encostava a varinha no pescoço dele e segurava seus braços por trás do corpo, ódio e adrenalina passando por suas veias. Não era bem essa a vingança que ela esperava, mas dava para o gasto. Por enquanto.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Victor Wagner
Diretor Geral
Diretor Geral
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 226
Mensagens : 857

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 7

MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   Sex Out 01, 2010 9:26 pm

Setembro/2025.
O novo ataque dos Fantasmas - Continuação II.


Estavam realmente encurralados... Presos na pequena biblioteca de Bruno e encurralados... Presos e com uma varinha apontada direto na garganta de Bruno... Não tinham saída... Parecia ser o fim, os fantasmas haviam ganhado mais uma vez.

A esperança já havia fugido do peito de Victor quando, ao olhar para Bruno, um objeto dourado tomou sua atenção: o portal de Ísis.

- Ser o diretor desta escola tem suas vantagens, certo Anatolly?

Em um gesto ligeiro que mal pode ser acompanhado com os olhos, arrancou o objeto de Bruno Maia e desaparatou... O diretor era o único que poderia fazer isto naturalmente dentro da escola e sentiu-se satisfeito por ter readquirido seu antigo cargo antes daquela noite.

Enquanto os Fantasmas observavam a inacreditável cena acompanhado pelo rugido de "PEGUEM-NO" de seu líder, o corpo do professor Bruno Maia desmaterializava-se. Brittany, que segurava o professor violentamente mantendo a varinha em seu pescoço, se desequilibrou e quase caiu quando Bruno Maia, agora de volta a sua verdeira forma espiritual, fluiu de suas mãos.


_________________
even me
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bruno Maia
Professor de Artes das Trevas
Diretor da Pau-Brasil

Professor de Artes das Trevas  Diretor da Pau-Brasil
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 2
Mensagens : 927

Atributos
Dado Padrão: d50 x 6
Habilidades Mágicas: 8
Habilidade Desportiva: 8

MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   Sex Out 01, 2010 9:40 pm

%Setembro, 2025
%Novo ataque dos fantasmas


Subitamente, tudo ao seu redor estava imerso em poeira e alaridos estridentes. No meio da confusão, várias coisas aconteceram ao mesmo tempo: primeiro, vários fantasmas adentraram sua biblioteca, então VIctor o olhou, e logo em seguida lançou um feitiço aleatório na direção dos fantasmas. Por uma fração de segundos, Bruno viu Brittany se aproximar atrás de si e, no segundo seguinte, sentia a ponta de sua varinh em sua garganta, suas mãos prendendo seus braços às costas.
Sua cabeça trabalhava rápido. Os fantasmas estavam ali, mas porque, porque o interesse específico por ele? O que ele tinha de especial? ENquanto Brittany falava ao seu ouvido, com sua voz carregada de ódio e ressentimento, Bruno pensava além. Tentava conseguir alguma maneira de escapar, e ao mesmo tempo procurava uma maneira de livrar o Educandário dos fantasmas. O que eles estariam procurando? DOminic não era do tipo que arrombava o colégio simpesmente por prazer, havia algum objetivo específico. Um ódio corroía as veias do pescoço de Bruno, ao lembrar-se das experiências recentes dos fantasmas. Na ocasião, eles haviam invadido o Educandário atrás do broche espelhado...
Uma cascata de ligações se fez presente em sua mente, e então tudo fez sentido. ELe sestavam atrás de algo que há muito estava trancado no local mais seguro de todo o educandário. Em sua mente, como um flashback em preto e branco, havia a imagem de Dominic, lhe entregando o punhal sangrento, e Bruno prometendo guardá-lo com sua vida. COmo fora tolo em acreditar na recuperação de DOminic, como fora tolo em lhe prometer um favor, pela sua vida... Mas o engraçado da situação pe que continuaria protegendo o artefato com a sua vida, mas dessa vez do próprio DOminic.
Seu processo mental era tão intenso que por alguns instantes esquecera-se completamente de que Brittany o segurava firmemente, algo estranho para um bela moça loura e magra como aquela.

"Sabe, Britanny. O mal de todo aluno é pensar que ele pode ser mais esperto que o professor..."

E, sem esperar para ver sua reação, fechou os olhos, concentrou-se, e, de repente, sentiu que sue orpo perdia a forma original. Parecia entrar numa água muito gélida e calma, sua alma mergulhava na paz. Bruno desmaterializara. Mas havia algo urgente a ser dito, antes que Victor tornasse a desaparatar.

"VICTOR! PROTEJA O 'LIVRO DE RECEITAS DA PALMIRINHA' COM SUA VIDA, OUVIU? É CRUCIAL!"

E foram as últimas palavras que sua boca pronunciou neste dia. Ao esabelecer o contato visual com VIctor, um raio trnaspassou-o das costas para o peito, mas, estrahamente, não sentiu o baque no seu coração, algo como uma arrirmia. Sua cabeça deu uma pontada grotesca, suas pernas fraquejaram, e Bruno caiu ao chão, em meio à poeira e entulhos, desacordado. O fantasma de Bruno jazia ao chão, os olhos esbugalhados perdendo o foco. Algo dera errado. Algo dera muito errado. Bruno desmaiara.

Citação :
Let's make a little drama Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fantasmas
Fantasma
Fantasma
avatar

Mensagens : 26

Atributos
Dado Padrão: d50
Habilidades Mágicas: d10
Habilidade Desportiva: d10

MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   Sab Out 02, 2010 8:52 am

Cap. Anterior: Escritório do Professor Bruno Maia

Quando as penas dos travesseiros de Bruno Maia flutuavam no ar denunciado que eles haviam sido enganados por um feitiço transfiguratório, o som da porta da biblioteca sendo trancada denunciou o esconderijo do professor Maia.

Obviamente Bruno não correu para a biblioteca a troco de nada, ou tentava proteger a relíquia tão almejada daquela noite ou tentava uma rota de fuga... Sem delongas, Brittany explodiu a porta da biblioteca revelendo dois professores acuados em suas próprias ratoeiras.

Não demorou para que um show de feitiços e magias explodissem por todo lado até que finalmente Brittany manteve Bruno Maia sob a ameaça de sua varinha.

- Muito bom!!! Dois pelo preço de um... Não poderia ser melhor!

A glória e o poder pareciam fluir das palavras de Anatolly, mas toda a felicidade se esvaiu quando Victor Wagner arrancou o Portal de Isís de Bruno Maia e desaparatou em um piscar de olhos.

Foi uma surpresa... Dominic havia se esquecido deste detalhe a respeito da vida de Bruno Maia. Há algum tempo a ignóbil existência do professor de encantamentos havia chegado ao fim, mas por alguma razão não esperada Bruno permaneceu sobre a Terra em sua forma incorpórea. Foi questão de tempo até que o próprio professor descobrisse uma maneira de recuperar seu corpo físico, e foi assim que o Portal de Ísis chegou a suas mãos, prologando por um pouco mais de tempo a miserável vida deste professor.

- PEGUEM-NO - Dominic gritou em uma explosão de fúria e surpresa e no mesmo segundo uma rajada de raios vermelhos explodiu na direção do espírito do professor Bruno, o derrubando. O professor ainda estava conectado com as vibrações materiais do mundo físico e a energia movida pela magia ofensiva de seus adversário conseguiu retirar seus sentidos.

Porém, antes de desmaiar, o professor revelou aquilo que tanto queriam: O livro de Palmirinha!!! O punhal está no livro de receitas de Madame Palmira!!!

E assim que puxou o astrolábio de seu bolso para ajustar as coordenadas e desaparatar para a cozinha, um raio dourado atingiu o objeto o jogando para um canto da biblioteca.

- Dominic Anatolly, seu reinado de maldade chegou ao fim. Você está preso!!

Era o Ministro da Magia em pessoa seguido por um par de aurores. Dominic olhou para o astrolábio ponderando se valeria a pena se arriscar na reconquista do objeto, mas decidiu por fim que sua liberade era mais valiosa.

Em uma grande jogada, com auxílio de seus comparsas, executou uma magia, escorregou por entre os aurores, rodopiou lançando mais algumas azarações e alcançou a porta do quarto.

- Não temos tempo a perder com eles!!! Vamos para a cozinha!! Eu quero o livro de Madame Palmira AGORA!!!

E antes de alcançarem a escadaria que os levaria para as masmorras, onde a cozinha estava localizada, um outro grupo de aurores surgiu bloqueando a passagem. Por mais uma vez, meia dúzia de magias foram lançadas sem muito sucesso e Dominic arrombou e entrou com seu grupo na porta a sua direita... A porta de seu antigo quarto no Educandário.

Naquele momento, eles estavam encurralados. Os aurores cercaram seu quarto e o ministro anunciava mais uma vez sua prisão.

- Se esses idiotas não mexeram em minhas coisas, eu devo ter uma chave de portal escondida por aqui...

_________________
"There is someone walking behind you,
Turn around, look at me.
There is someone watching your footsteps,
Turn around, look at me(...)"

Turn around look at me - The vogues
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Péricles Augustus
Ministro da Magia

Ministro da Magia
avatar

Saldo Bancário (Galeões) : 2
Mensagens : 21

Atributos
Dado Padrão: d50 x 5
Habilidades Mágicas: 9
Habilidade Desportiva: 6

MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   Dom Out 03, 2010 5:11 pm

@Post Anterior: Pátio

@Corredores do Castelo


Péricles e os aurores acabaram de sair vitorosos no primeiro embate com os fantasmas no pátio, mas nem por isto estavam tranquilos. Entraram nos escombros do que um dia foi o salão principal e logo sumiram nos corredores escuros do castelo atrás dos aposentos dos professores.

Apesar de a maioria dos que estavam ali terem estudado dentro daquelas paredes, a localização dos aposentos dos novos professores não era de conhecimento deles.

- Acho que é o quarto andar onde os professores dormem, não?

Antes mesmo que alguém respondesse, uma explosão os indicou o caminho a seguir.

- Parece que arrombaram uma porta!!!.. Vamos antes que eles achem os professores.

E assim que chegaram no andar correto, Péricles solicitou para que os aurores se dividissem entre cada saída, inclusive nas janelas, para impedir uma possível fuga. Com todos posicionados, ele entrou com um pequeno grupo no quarto do professor Maia para presenciar a incrível escapada de Victor Wagner.

@Escritório de Bruno Maia

O diretor do Educandário arrancou o Portal de Ísis de Bruno, objeto que dava ao finado professor um corpo físico, e depois disto desaparatou deixando todos boquiabertos. Então, na tentativa de salvar a relíquia tão desejada, Bruno acaba falando sobre seu paradeiro: o livro de receitas de Madame Palmira, na cozinha, e assim que Dominic Anatolly tenta usar o Astrolábio Dourado para chegar ao local, Péricles não pestanejou em arrancá-lo das mãos de Dominic, nem que para isto tivesse que danificar a relíquia.

Um raio atingiu em cheio o astrolábio e Péricles anunciou sua presença: - Dominic Anatolly, seu reinado de maldade chegou ao fim. Você está preso!!

Dominic exitou, mas desistiu em reaver o Astrolábio. Foi então que um verdadeiro show de luzes e cores teve início. Magias foram lançadas para todos os lados e quando os Fantasmas conseguiram petrificar um auror e estuporar outro, abriram passagem para fugir dali.

Péricles, junto com o que restava dos aurores, seguiu o grupo na esperança que os outros aurores os detessem. E foi justamente o que aconteceu. Ao se deparar com a passagem bloqueada, e com a desvantagem númerica, arrobaram outra porta que dava para o antigo escritório de Dominic Anatolly.

@Escritório de Dominic Anatolly

Na tentativa de escapar, três fantasmas foram deixados para trás a fim de dar cobertura aos fugitivos e acabaram sendo esturporados pelos aurores. Quando eles conseguiram entrar no quarto de Dominic apenas viram o grande rodopio deixado pela utilização de uma chave de portal que Dominic havia há muito tempo deixado ativo em seus pertences para uma necessidade urgente de fuga na época que era diretor da escola.

- Ótimo!!! Fugiram!! Estavam bem em nossas mãos.

Então lembrou do astrolábio e do corpo imaterial de Bruno Maia que havia sido estranhamente atingido, e correu de volta para o quarto do professor para ajudá-lo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Escritório do professor Bruno Maia   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Escritório do professor Bruno Maia
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Laboratório do Professor Elm
» Laboratório do Professor Oak
» Ficha [ Bruno Uchiha ]
» Laboratório Pokémon do Professor Birch
» Pergaminho [ Bruno Uchiha ]

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Educandário de Magia Monte Pascoal :: 2025-
Ir para: